segunda-feira, 13 de outubro de 2008

Canção da Primavera - Mário Quintana


(Tela de Sandro Botticelli)
.
.
Primavera cruza o rio
Cruza o sonho que tu sonhas.
Na cidade adormecida
Primavera vem chegando.
.
Catavento enloqueceu,
Ficou girando, girando.
Em torno do catavento
Dancemos todos em bando.
.
Dancemos todos, dancemos,
Amadas, Mortos, Amigos,
Dancemos todos até
Não mais saber-se o motivo...
.
Até que as paineiras tenham
Por sobre os muros florido!
.

Um comentário:

Ellen Veloso Soares disse...

Ei, Renata! Saudades, querida!! Eu sou verdadeiramente apaixonada por essa poesia. Que a felicidade seja uma constante em sua vida! Abraços,
Ellen.